domingo, 17 de fevereiro de 2013

Trail do Monte Serves

Ontem estive no Forte da Casa, para participar no Trail do Monte Serves.
Mais uma prova para eu ganhar experiência nos trilhos.





Gostei bastante, apesar da organização ter deixado um pouco a desejar. Falta de pessoas a sinalizar certos locais, poucas fitas a marcar o percurso, dois abastecimentos fracos ( quando cheguei ao 1º, já não havia água para mim ). Andava a pensar comprar uma mochila de hidratação para este tipo de provas, e depois do que se passou ontem não tenho dúvidas que é mesmo necessária. Não ficarei dependente dos abastecimentos.
Mas apesar de tudo ainda bem que participei, as coisas positivas superaram largamente as negativas.
No local da partida encontrei a Rute e um amigo, o Ricardo.


Corremos juntos os primeiros km, depois o Ricardo colocou um ritmo mais forte e desapareceu de vista. Fiz o resto da prova na companhia da Rute, o que foi agradável.
O percurso foi bastante interessante e difícil.




Uma paisagem linda, mas também com muita lama e em alguns sítios com erva muito escorregadia. Estive para me espalhar ao comprido várias vezes.
Houve zonas de muitas silvas, daquelas que arranham muito.
Passámos por dentro de uma Quinta com muitas videiras, uma zona bem bonita.



A determinada altura, passámos dentro de um condominio abandonado. Casas aparentemente novas, mas sem vida. Uma zona fantasma.
Já perto do final, quase que nos perdemos. Tinhamos várias opções para seguir. Vemos alguns atletas ao telemóvel e a fazer gestos como se estivessem a explicar onde estavam. Pediam indicações à organização da prova. Seguimos juntos até ao final. Ainda houve uma altura em quase que tivemos de fazer escalada, tal era a inclinação.


No final senti-me fisicamente muito bem. Foram mais de duas horas a correr e, de vez em quando, também a andar.
Esta foi a prova de trilhos mais difícil em que participei, foram 16 km com várias subidas bem inclinadas e pisos muito variados. Na preparação da meia maratona de 24 de Março, podemos dizer que foi um treino muito bom.

Aqui podem ver todas as fotos que tirei.

A próxima prova será o GP do Atlântico. Uma prova plana e muito rápida, para fazer um bom tempo aos 10 km.

Boa semana e bons treinos.

14 comentários:

  1. Buenas, enhorabuena por el blog, me gustaría intercambiar enlaces contigo y que nos sigamos mutuamente.
    Un enorme saludo desde http://orgullobenfiquista.blogspot.com/
    http://bufandasybanderasamps.blogspot.com/

    Oi, parabéns pelo blog, gostaria de trocar links com você e nós seguimos um ao outro.
    Uma saudação enorme de http://orgullobenfiquista.blogspot.com/
    http://bufandasybanderasamps.blogspot.com/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. António, hoje foi muito difícil.
      Viva o Benfica!!!

      Eliminar
  2. Só de olhar para as subidas já me estou a cansar outra vez! :) Pena não haver fotos da zona das quedas, para as pessoas verem bem as condições daquilo! Mas compreendo que na altura não fosse boa ideia sacar do tlm... ;)
    Quanto à Organização, vou esperar para ler os colegas que forem à Arruda, para ver se melhorou em relação a esta prova... Sabes que nem era suposto termos entrado no centro de Vialonga? Escapou-nos algum desvio por ali...
    Apesar de tudo foi uma boa manhã de sábado. Boa sorte para a próxima corrida!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Rute.
      Também tenho pena de não ter essas fotos, mas ali o que se pedia era muito cuidado para não ir a escorregar até lá baixo. :)
      Espero que esta organização não tenha nada a ver com a do próximo trail.
      Queria ir a Arruda, mas como é na véspera das Lezírias não vai dar.
      E foi realmente uma grande manhã.

      Beijinhos.

      Eliminar
  3. Parabéns! Um excelente treino, sem dúvida! Pena o problema organizativo.

    Lá nos encontraremos na Costa!

    Boa semana e um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Espero que esta organização tenha sido uma exceção.
      Mas o trail em si foi muito bom.
      A corrida da Costa pede muita velocidade, vamos lá ver.

      Abraço e boa semana.

      Eliminar
  4. É pena a organização não ter estado à altura, mas pelas fotos e pela descrição deve ter sido uma bela prova. E super desafiante =)
    Bjs e boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi isso mesmo, uma prova bonita e difícil. Como deve ser.
      A organização já a esqueci, a prova fica na memória.

      Beijinhos e boa semana

      Eliminar
  5. Apesar dos problemas organizativos, a prova parece ter sido muito fixe. O bichinho do trail está a entranhar-se, não é Vítor? Eu só me vou estrear nos trilhos após a meia maratona. Vou esperar até Abril para ir a Sesimbra.
    Abraço e boas corridas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade Tiago, estou a gostar muito dos trilhos.
      Talvez faça o da Serra da Arrábida, também em Abril.

      Abraço e boa semana.

      Eliminar
  6. Boas Vitor,
    bom treino para ajudar a preparar para atingires o teu objectivo em Março, dá resistência. Mas não te esqueças dos treinos especificos (series, fartleks e rampas) por causa do ritmo.
    Eu estou com o bichinho do trail, mas parece que não sou o único...
    Aquele abraço e bons treinos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Carlos.
      Não, não me esqueci dos treinos especificos. Aliás, vou agora mesmo fazer um treino de séries.
      E o trail veio para ficar.

      Abraço.

      Eliminar
  7. Boas Vítor.

    O bom deste tipo de provas é que o tempo não é assunto em questões de organização ou no caso de nos perdermos. E com companhia melhor se suporta.
    Os trails ainda não me seduzem, muito menos com lamas e afins. Tenho que experimentar um destes mais "canininhos". ;)

    Abraço!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Pedro.
      Quando experimentares, vais gostar tanto que nem reparas na lama.

      Abraço.

      Eliminar